Arquivo da tag: #mortos.

Utopia – A falsa premissa de segurança baseada em armamento.

escolha-sua-arma-1

Variedade de armas brancas.

armas

Armas de fogo pequeno porte.

UTOPIA.

A palavra Utopia traz em sua etimologia o significado de algo irrealizável, pelo menos num dado momento. É corriqueiro ouvirmos falar que a segurança nacional, pública, mundial, depende da quantidade de armas disponíveis. Uma arma serve para que? Qualquer objeto, capaz de ferir e por último matar, pode, em circunstâncias particulares, ser considerado como arma. Se a arma serve para ferir e matar, como é possível acreditar que a segurança dependa da quantidade de armas disponíveis?

Ao longo dos milênios, vemos registrados na história humana, muito mais eventos bélicos, exaltações de atos de heroísmo, louvação de estratégias de combate, habilidades no manejo de determinada espécie de arma, do que histórias de amor, altruísmo e desprendimento em favor do próximo. Para falar apenas da época mais recente, vejamos a quantidade de conflitos bélicos ocorridos no decorrer do século XX. Vamos começar com o que ocorreu no território nacional. O século XIX terminou com uma revolução federalista, surgida no Rio Grande do Sul, em oposição ao novel governo republicano, recém implantado. Nem bem terminou o conflito no sul, eclodiu outro fato conhecido como Guerra de Canudos, no nordeste. Sem dúvida, o custo material e humano de ambos foi elevado. Ainda no começo do século XX, 1912/16, o território em litígio limítrofe entre Paraná e Santa Catarina, conhecido como Contestado, foi assolado pela Guerra do Contestado, onde novo dispêndio material e humano foi realizado.

Continue lendo