Arquivo mensais:novembro 2015

Fantástico mundo novo! – Volume II – Capítulo IX – Novos grupos são formados.

  1. Novos grupos são formados.

As intensas emoções vividas na viagem ao planeta Orient, especialmente o conhecimento do projeto grandioso de que tomariam parte, deixou o grupo silencioso e sonolento. Aliado ao efeito soporífero do perfume existente no interior do transportador, levou todos, menos Mink, Arki e seus ajudantes, a dormir na viagem de retorno. Quando o estranho objeto desceu dos céus, pousando na praia, a cidade inteira estava dormindo, exceto alguns noctívagos e vigilantes encarregados da segurança. Para eles a luz vista significou um evento como o de um meteoro, mais conhecido como estrela cadente.

Continue lendo

Os Santos e o Livro de Urantia – Minha interpretação.

Os santos, o que são?

O Livro de Urantia afirma que após a morte física, se tivermos escolhido fazer a vontade do Pai, ou seja, Deus, buscando sincronizar nossa mente com o Ajustador de Pensamento, iniciaremos a nossa evolução no Mundo das Mansões. Nessa fase, existem sete “esferas” e começaremos pela primeira, no nível mais baixo da vida moroncial. Seremos acordados ou ressuscitaremos em um corpo semelhante ao que deixamos na terra, porém de constituição diferente. A matéria será moroncial e irá nos acompanhar ao longo das sete esferas, até chegarmos a Sálvington, capital do Universo Local, Nébadon. Lá é a morada do Filho Criador ou Micael, que viveu na Terra, ou seja Urantia, como Jesus Cristo ou Jesus de Nazaré. Esta foi a sua última auto-outorga na existência de uma de suas criaturas, no total de sete.

Continue lendo

Experiência paterna/materna é essencial.

Experiência paterna/materna.

Algumas considerações sobre o Livro de Urantia.

Na leitura que estou fazendo dos documentos intitulados O Livro de Urantia, existe a descrição da nossa vida após a morte física material. Nos separaremos para sempre do corpo que nos serve de morada terrena e no devido tempo seremos acordados, no chamado Mundo das Mansões, para iniciar a primeira de sete fases de uma vida chamada moroncial. Estaremos em um corpo, semelhante ao atual, porém feito de matéria especial e que nos acompanhará em todas as fases. Não mais passaremos pela experiência da morte, ao concluirmos uma das etapas. Adormeceremos e acordaremos na nova esfera, para continuar a evolução. A cada nova fase deixaremos para trás um pouco da nossa natureza material (física) para adquirirmos outra, mais espiritual, sempre acompanhados por uma partícula divina, denominada Ajustador do Pensamento. Ao final do processo nossa mente material irá se fundir com esse ajustador, formando finalmente a nossa alma, puramente espiritual. Não é possível passar, em um único passo, de uma mente humana material, para uma alma espiritual. É necessário haver a transformação e esta ocorre de modo gradual.

Continue lendo

Fantástico mundo novo! – Volume II – Capítulo VIII – Grupo viaja ao espaço.

  1. Grupo viaja ao espaço.

 

 

Durante dois anos e meio Mink se encarregou de transmitir, ao grupo selecionado, os ensinamentos recebidos de Arki. Ao constatar que haviam atingido um nível aceitável de firmeza na fé, domínio nos assuntos espirituais, fraternidade na convivência, comunicou esses dados ao anjo, no próximo encontro. Ao encontrar-se com o amigo, depois da apresentação inicial, falou:

– O grupo está em condições de prosseguir. Tudo que eu podia lhes transmitir, creio que está feito. É possível planejar a próxima etapa. Pensei que poderíamos fazer uma espécie de teste, apenas não sei como fazer isso.

Continue lendo

Fantástico mundo novo! – Volume II – Capítulo VII – Grupo se fortalece na fé.

  1. Grupo se fortalece na fé.

 

 

 

            Mink encontrou com parte do grupo, que caminhava na praça, no centro da cidade. Foi acolhido com saudação calorosa, como era de hábito entre eles. Contaram mutuamente os acontecimentos vividos nos dois dias precedentes. Apenas o jovem líder omitiu os pormenores de seu encontro com Arki. Ainda não era hora de revelar detalhes. Decidiram caminhar na região do porto. Estavam curiosos em ver o andamento das obras que constantemente eram realizadas no lugar. Nem mesmo no dia de descanso havia paralização total do movimento de entrada e saída pelo estreito. Mink lembrou das dimensões do cais na época em que haviam começado os seus encontros com o anjo. Quando observara do alto do penhasco a aproximação dos navios piratas e dera o aviso, salvando dessa forma todos os trabalhadores, bem como o porto de ser saqueado.

Continue lendo

Amor, maybe! – de Francine Cruz.

Amor, maybe!

A autora Francine Cruz, graduada e pós-graduada em atividades físicas, cursa atualmente Letras Português/Inglês na UTFPR. O título acima identifica o romance publicado pela Ícone Editora. Trata-se de uma bela história de amor, ambientada em Los Angeles, EUA, com passagens por Florianópolis, Brasil, e que termina em algum lugar no México, à beira mar, numa praia paradisíaca.

Continue lendo

Fantástico mundo novo! – Volume II – Cap. 06 – Grupo de pioneiros em formação.

  1. Grupo de pioneiros em formação.

Depois de selecionar os dez integrantes para iniciar a preparação da força de repovoamento, Mink voltou ao alto do penhasco, onde encontrou-se mais uma vez com Arki. Tinha agora o grupo completo e passou a apresentar um a um. Descrevia com minúcias os atributos que eles tinham. Pertenciam à variados grupos étnicos e sociais dentro da atual composição da população de Kibong. Nesse primeiro passo, cuidara de identificar características como a firmeza de caráter, capacidade de liderança e equilíbrio emocional. Teriam sobre os ombros a tarefa de preparar, por sua vez, dez novos líderes. Teriam que ser capazes de tomar decisões, manter o controle, mesmo em situações complicadas. Ao fim e ao cabo, cada um deles teria sob seu comando algo em torno de 1100 homens e mulheres. Isso exigia aptidão com certeza.

Continue lendo

Livros de Enéas Athanázio

O pó da estrada, de Enéas Athanázio, capa. 001

O pó da estrada, volume 2.

O reduto de Nhô Ná, de Enéas Athanázio, capa. 001

O reduto de Nhô Ná

 

 

 

 

 

 

 

Enéas Athanázio.

Escritor catarinense, nascido na região dos Campos Gerais, mais precisamente nas proximidades das margens do Rio Iguaçu, me obsequiou com dois de seus livros, há algum tempo. Ocupado com diversas atividades, eu os li e sempre planejei escrever um comentário a seu respeito. Desconheço o resto da obra do autor. Ao que posso deduzir de depoimentos de outros, ultrapassa  o número de quarenta títulos. Vou ater-me a esses dois volumes que tenho diante de meus olhos.  Continue lendo

Elas São de Marte! – Mulheres sem censura.

Elas são de Marte, capa 001

Capa de Elas são de Marte.

Elas são de Marte – Mulheres sem censura.

O livro acima é em verdade uma antologia poética, toda ela de autoria de mulheres. Busca colocar o erotismo feminino numa dimensão ajustada ao mundo moderno. Há, de permeio, alguns textos em prosa, porém fiéis ao foco da obra.

Trata-se de obra escrita a muitas mãos. São 77 mulheres, de diversas idades, de variados lugares do país. Pode-se entrever nos textos a diversidade de opções sexuais das autoras, mas tudo está colocado na ótica estética do gênero poético. São, antes de mais nada, artistas no uso da palavra.  Continue lendo

Fantástico mundo novo! – Volume II – Capítulo V – Progresso traz problemas.

  1. Progresso traz problemas.

 

Seria utópico esperar que a aglomeração de um grande contingente humano, de deferentes procedências, trouxesse em seu âmago apenas pessoas de boa índole. Há sempre alguns indivíduos de menor qualificação moral no meio de grandes grupos. Dessa forma resultou que, concomitantemente com o desenvolvimento acelerado da cidade, também ocorreu um aumento de algumas formas de transgressão das normas de civilidade. A administração se viu na contingência de formar um corpo de segurança. Por sugestão popular, os integrantes desse grupo, foram selecionados entre os discípulos da escola de luta com as mãos. Iagushi Tomishi havia feito um trabalho maravilhoso. Formado uma imensa legião de adeptos da arte de lutar, usando apenas as mãos. Os mais destacados discípulos tornaram-se por sua vez instrutores de novas turmas.

Continue lendo